Descubra os preços médios de sucatas em MS e consulte o valor real pesquisado agora mesmo! Surpreenda-se com as informações da Sefaz-MS.

 
Neste artigo, vamos abordar o edital de notificação publicado pela Sefaz-MS (Secretaria Estadual de Fazenda) nesta terça-feira (7), que definiu o preço médio de diferentes tipos de sucatas comercializadas em Mato Grosso do Sul. Essa pesquisa realizada pela UPEM (Unidade de Pesquisa de Mercadorias) estadual serve como base para as cobranças tributárias relacionadas a esses materiais.

De acordo com a pesquisa mencionada no edital, foram estabelecidos os preços médios de diversas sucatas no Estado de Mato Grosso do Sul, resultando no Valor Real Pesquisado para cada uma delas. Dentre os tipos de sucatas analisados, podemos citar sucata de aço inoxidável, sucata de alumínio, sucata de bateria, sucata de cobre, entre outros, com seus respectivos valores médios detalhados.

O edital também traz a informação de que entidades representativas que discordarem dos valores médios dos itens mencionados podem solicitar documentação relacionada à programática da pesquisa de preço. Para isso, é necessário enviar um requerimento à UPEM, de forma eletrônica, pelo e-mail [email protected], dentro do prazo estabelecido. O documento foi assinado pelo superintendente de Administração Tributária em Exercício, Gabriel Bezerra Bourguignon.
 
 

Descubra os preços das sucatas definidos pela Sefaz-MS em Mato Grosso do Sul. Saiba como consultar o Valor Real Pesquisado online. Confira!

 
A Sefaz-MS (Secretaria Estadual de Fazenda) publicou um edital de notificação nesta terça-feira (7), que estabelece o preço médio de diferentes tipos de sucatas comercializadas em Mato Grosso do Sul. A pesquisa realizada pela UPEM (Unidade de Pesquisa de Mercadorias) estadual servirá como base para cobranças tributárias relacionadas a esses produtos.

De acordo com a pesquisa, os preços médios das sucatas no estado foram definidos para diversos materiais, tais como sucata de aço inoxidável, alumínio, baterias, cobre, ferro, entre outros. Esses valores resultam no Valor Real Pesquisado e são detalhados no edital publicado pela Sefaz. Entidades representativas que discordarem dos valores podem solicitar documentação relacionada à metodologia da pesquisa de preço.

O edital assinado pelo superintendente de Administração Tributária em Exercício, Gabriel Bezerra Bourguignon, também destaca que é possível consultar o valor real pesquisado de outros produtos que compõem a pauta fiscal do Estado por meio do sistema online da Sefaz-MS. Para acessar essas informações, basta utilizar o link disponibilizado no texto do edital. Se houver dúvidas ou questionamentos, as entidades interessadas podem entrar em contato com a UPEM pelo e-mail indicado no documento.
 

Descubra como consultar o valor real pesquisado de diferentes sucatas em Mato Grosso do Sul e entenda como isso influencia nas cobranças tributárias.

 
Em suma, o edital de notificação divulgado pela Sefaz-MS trouxe os preços médios das sucatas comercializadas em Mato Grosso do Sul, servindo de base para cobranças tributárias e fornecendo transparência sobre os valores praticados no mercado. Essa iniciativa visa otimizar a arrecadação tributária e garantir maior equidade no recolhimento de impostos, contribuindo para a regularização e fiscalização do setor de sucatas no estado.

Portanto, para consultar o valor real pesquisado de outras mercadorias que integram a pauta fiscal e obter mais informações sobre o processo de pesquisa de preço adotado pela UPEM, os interessados podem acessar o sistema online da Sefaz-MS. Além disso, entidades representativas que questionarem os valores médios das sucatas têm a possibilidade de solicitar documentação relacionada à pesquisa, contribuindo para a transparência e aprimoramento contínuo das práticas fiscais no estado.